Resenha: Eu sou o número quatro

Eu sou o número quatro é o primeiro volume da série Legados de Lórien, um lançamento da Editora Intrínseca, escrita por Pitaccus Lore (pseudônimo).

O livro conta a história de um legado de um planeta destruído por uma raça cheia de cobiça, maldade e interesses próprios. Esse legado são 9 crianças, acompanhados por “tutores” e essas crianças possuem dons/poderes, que podem ajudar a derrotar a raça que exterminou os lorienos e podem ajudarem a reconstruir o planeta.

Ao deixarem Lorien, essas crianças receberam nomes baseados em uma sequência de números (Um, Dois, Três, Quatro, Cinco, Seis, Sete, Oito, Nove) e foram protegidas por um feitiço que, enquanto eles tiverem separados só podem ser mortos na ordem de seus números… O problema é que, mesmo com os feitiços, essas crianças estão sendo caçadas uma a uma. O número Um é morto na Malásia. O Número Dois, na Inglaterra. E o Número Três, no Quênia. E vamos acompanhar durante esse livro a história do número Quatro. O garoto de 15 anos vive se mudando dentro dos EUA para escapar de ser morto e proteger o que resta de Lorien (ele, inclusive).

No entanto, ao se mudar para uma pequena cidade de Ohio, com o nome de John Smith, o garoto tenta se adaptar e se misturar na cidade na esperança de levar uma vida normal e de fazer amigos, como qualquer adolescente normal faria.

Quatro não é normal… e mesmo se aproximando de terráqueos em Ohio, ele começa a perceber que sua identidade está em risco… o perigo está cada vez mais próximo e que a luta está cada vez mais eminente… ou seja, seu segredo como extraterrestre não vai durar muito tempo.

Os personagens desse livro (do lado “do bem”) são muito cativantes e você realmente torce para tudo dar certo… mas o inimigo tem armas, e está disposto a arriscar qualquer coisa para vencer!

O livro é uma mistura de diversos gêneros, como aventura, romance, fantasia.. e te prende nessa história que busca conscientizar as pessoas sobre a importância de se preocupar com o mundo em que vivemos, sobre trabalhar com o conceito desenvolvimento sustentável e sobre preocupação com o coletivo e não com os ganhos individuais.

E nada melhor do que um filme para ajudar a vizualizar a história e ajudar a divulgar a série. O filme “Eu sou o número Quatro” vai ser lançado dia 15 de abril e, mesmo que já dê para ver algumas diferenças entre o filme e o livro, eu acho que vai ser interessante!

E hoje tem evento em Belo Horizonte e várias outras cidades. Em BH, o Evento será no Diamond Mall, a partir de 16 horas. Vamos?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s