Resenha: Harry Potter e as Relíquias da Morte Parte 2

Foram 13 anos, crescendo com uma série, torcendo pelos personagens, ansiosa pelo lançamento de um novo livro ou filme… E foram muitas expectativas, novidades, decepções e mais um monte de coisas durante os últimos 13 anos da minha vida até que chegasse ao último filme.

Dia 14 foi especial para mim, foi um dia que pude ver o filme, ver o Tom Felton (que sempre foi um dos meus favoritos), conhecer mais fãs.

 

E quando esse último filme começou, primeiro eu achei que mal conseguiria respirar. O que vem a sua cabeça é que você não quer piscar nem um segundo para não perder nenhum detalhe (e para ter certeza que eu não tinha perdido nenhum detalhe, eu fui ver o filme pela segunda vez ontem).

 

(esse texto contém alguns spoilers do filme)

 

Bate aquele aperto no coração logo no início do filme, quando Voldemort abre o caixão de Dumbledore e logo em seguida aparece o logo da Warner.

 

Não quero comentar cada cena do filme, pois acho que não adianta ler o que aconteceu… tem que ver! Mesmo assim, quero dar minha visão geral do filme. O filme começa no ponto em que o anterior foi encerrado: no Chalé das Conchas, com Gui e Fleur. Ainda assim, não houve um corte brusco ou um emendo de um filme para o outro – tipo acaba com To be Continued e volta exatamente do mesmo ponto. A parte 1 tem um final e a parte 2 tem um começo, assim como ocorre nos livros.

 

E o filme se desenvolve com aquele ar de “hora de acabar com tudo”. É hora de invadir Gringotes fantasiado de Belatrix, é hora de voltar a Hogwarts, é hora de lutar… Alguns personagens aparecem do nada e o filme não explica muito bem como, por exemplo, Hermione conhece a irmã de Dumbledore, enquanto outros, como o Grawp (irmão do Hagrid) simplesmente sumiram ao longo dos outros filmes.

 

O filme tem uns momentos que eu sempre quis ver nas telas de cinema: finalmente Rony beija Hermione… e foi um pouco mais rápido do que eu imaginei, mas foi lindo, cheio de paixão. E finalmente nos filmes deram a Minerva um destaque que ela sempre mereceu – e ela falando da especialidade do Simas em explodir as coisas foi fantástico! E as memórias de Snape foram de arrepiar! Foram os pequenos momentos no filme que fizeram toda a diferença para mim como fã de Harry Potter, pois eles que emocionam, arrepiam, empolgam e afins – o filme, para a minha felicidade, é cheio desses pequenos momentos, mesmo que eu não os tenha citado acima!

 

E então começa a batalha. Os efeitos me agradaram, pois não vimos só Avadas Kedavras por todos os lados. Eles conseguiram adicionar novos elementos a batalha, como a luta/fuga de Neville dos caçadores, novos feitiços, novas cenas. VER a morte de alguns personagens, como a do Snape, a da Tonks e do Lupin, do Fred e até da Lilá, me fez sofrer TANTO! Sério, ver a cena da batalha foi bem mais impactante que ler essa cena no livro.

 

E o epílogo foi leve… foi quando deu para respirar… eu gostei mais do epílogo no filme do que no livro! Acho que ficou menos deslocado… e mesmo utilizando os atores, ficou bem feito!

 

Parece que o filme passa mais rápido do que gostaríamos, tenho essa impressão.  Acho que a quantidade de cenas de ação passa essa impressão.

 

Como fã mudaria alguma coisa nos filmes? Talvez. No entanto, queria ressaltar que o final foi bem satisfatório e foi pensado nos fãs, não tem como negar isso. É impossível fazer um filme que contenha cada pequeno detalhe do livro, mas os diretores e produtores conseguiram manter a essência da história e tentaram tapar o máximo de buracos que conseguiram.

 

Acredito ter sido um grande final, para uma grande franquia. Chorei sim, e bastante. Me arrepiei em várias cenas, que antes só eram possível em minha cabeça. Ri muito também… em alguns momentos parecia dividir uma piada interna com o filme. E acima de tudo, fiquei chocada que acabou… não sei se estava pronta para isso… mas com certeza estou pronta para levar Harry Potter para sempre comigo, afinal essa saga é inesquecível e o último filme confirmou isso.

(Acho que, por gostar de Harry Potter por tanto tempo, ainda estou um pouco travada com esse final, sem conseguir elaborar muito minha opiniao sobre o mesmo… mas espero ter passado um pouco do que senti com esse filme)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s