Insegurança?

Você tem vergonha de quem você é? Acho que essa é uma pergunta que merece bastante reflexão! Todos nós somos indivíduos e, portanto, diferentes… alguns loiros, outros ruivos, outros morenos, outros negros… alguns tem piercings, outros tatuagens e alguns arriscam visuais diferentes! E nem por isso somos melhores ou piores uns dos outros!

Segurança começa com confiança em si mesmo e nas suas escolhas. Sempre tento superar minha insegurança de falar em público (principalmente nas entrevistas de trainee), afinal, passei a minha vida escolar inteira sendo julgada (com pessoas querendo que eu fosse alguém que eu não sou). Acredito que, a partir do momento que você não tem vergonha de si mesmo, sabe que tudo que você faz é aquilo que você acredita ser certo/verdadeiro, você não terá mais problemas de insegurança! Você não terá mais porque se esconder ou tentar se adaptar para atender aos padrões das outras pessoas, porque isso é errado!

Claro que tem sempre aquelas pessoas que acham que mostrar segurança só pode ser feito através da diminuição/humilhação do outro e na tentativa de mudar quem as pessoas são. É assim que surge os bullyers… o que eu acho divertido é que eu tenho CERTEZA que essas pessoas sabem que estão fazendo algo de errado ao tentar diminuir os outros, porque a grande maioria o faz através de comentários anônimos na internet, bilhetinhos, risadinhas nas costas das pessoas quando elas passam… e no fim das contas, essas pessoas que se passam por inseguras: porque falta coragem de se assumirem como são, falta coragem para se exporem. Pode falar mal, discordar, mas se for como anônimo/sem dar a cara a tapa, as opiniões ficam vazias e (no meu caso) são ignoradas…

E quando você se expõe – isso vale para um blog, para uma apresentação ou entrevista – pode ter certeza que muitas pessoas vão querer mudar você ou até você vai querer mudar para “se encaixar”. Se você não teve medo de criar um blog ou de se colocar a frente de uma apresentação ou entrevista, não deve ter medo do que as pessoas pensam e falam sobre vocês. Muitas pessoas serão mais que maldosas para te derrubar… e o que você faz? Você tem que dar os ombros para a situação e até tirar proveito dela quando possível (reverter as críticas a seu favor é bem proveitoso… e às vezes até se divertir com ela faz bem), não ligar tanto para o que as pessoas pensam, afinal isso não muda quem você é, principalmente se você for uma boa pessoa!

Passar a vida de escondendo só faz mal a nós mesmos!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Insegurança?

  1. Eu já sofri bullying. Na escola, caçoavam de mim por ser “fofinha”. Então decidi para de comer e passei a vomitar. Cada vez que alguém caçoava de mim, eu me cortava profundamente, roía as unhas até sair sangue e arrancava meus cabelos… já quis me matar por intoxicação por medicamentos, mas tive uma “segunda chance” no hospital. Depois, eu parei e refleti. Tive apoio do meu melhor amigo e superei tudo.

    Antes, mal conseguia sair de casa…

    Vc está certíssima! As pessoas tem que se amar e ter auto-segurança. Pena que algumas pessoas (como eu no passado) não são assim..

    • Oi Giovana, ninguem deveria ter q passar por isso, mas passamos… a questao eh descobrir aquilo que te deixa mais forte e agarrar-se a isso sempre (pelo menos eh o que eu faco!) =)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s