Livro: Catching Fire (Em Chamas)

Mal acabei o livro Jogos Vorazes e corri para ler o segundo – já bastou me contarem o final do primeiro (a resenha tem spoilers!)…

Em Chamas começa contando a história de Katniss após o 74º Jogos Vorazes: a turnê pelos distritos, a distância entre ela e Peeta (mesmo que os dois tenham que manter as aparências de seu romance construído), a nova vida dela e de sua família na vila dos vencedores… mesmo com os tropeços da vida, parece que tudo daria certo.

 

Só que nada dá tão certo assim na vida de Katniss – por isso que ela foi parar nos Jogos Vorazes no lugar de sua irmã. Por mais que Effie dissesse que “May the odds be ever in your favor” (que as chances estejam sempre ao seu favor), isso não acontece com Katniss – ouso dizer que Tio Murphy não vai nem um pouco com a cara dela… Ao tentar salvar ela e Peeta no final da última edição dos jogos, o ato que garantiu a vida dos dois foi visto por alguns como um ato de rebeldia. E, para garantir a vida das pessoas que ela mais ama, ela deve se comportar bem e convencer os outros que foi uma atitude romântica ao invés de um desafio ao Capitol. Claro que ela não consegue ficar de boca calada… Vale contar que nesse meio tempo, o controle do Capital sobre os Distritos aumentam (rumores de rebeliões chegam ao ouvido de Katniss), Gale é chicoteado – e Katniss acaba beijando o menino. Fica tudo muito confuso.

 

E a maior surpresa está por vir. A cada 25 anos, os Jogos Vorazes tem uma edição especial. E para surpresa de todos, na 75ª edição, dois vencedores de cada distrito devem voltar a Arena para se matarem e como Katniss é a única menina que venceu no Distrito 12 que ainda está viva, o lugar dela está garantido. E no lado dos meninos, Haymitch (o mentor de Katniss na última edição) é sorteado, mas Peeta se voluntaria para voltar à Arena com Katniss.

 

Além da tristeza de voltar a Arena, muitos dos tributos são amigos – imagina que tristeza voltar para o pior lugar que você já esteve e ser obrigado a matar seus amigos ali. Depois de algumas mortes, outras alianças, Katniss acaba explodindo/desabilitando o campo de força que cerca a arena e que impede que os tributos escapem. A garota acaba sendo resgatada pelas pessoas do Distrito 13 (que todos achavam que havia sido destruído), descobre que Peeta está nas mãos do Capitol e que seu distrito (12) fora destruído.

 

Devo admitir que esse livro me deixou mais ansiosa que o primeiro – queria saber quem sobreviveria dessa vez, se Katniss e Peeta ficariam juntos… e no fim das contas tive mais surpresas do que jamais poderia esperar. Esse é um livro para quem tem coração forte, porque – mais do que no primeiro – compartilhamos os sentimentos dos personagens, as agonias, as esperanças… Além disso, os jogos ficam mais cruéis, o final é de tirar o fôlego.

 

Como não gosto de morrer de curiosidade, fui correndo ler o terceiro e último livro da série e conto sobre ele no próximo post!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s